ASPECTOS DO FEMININO NA POÉTICA ORAL AFRO-BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA: AS MULHERES REPRESENTADAS POR MÃE BEATA DE YEMONJÁ

Juliana Franco ALVES-GARBIM

Resumo


O presente artigo versa sobre alguns aspectos da figura da contadora de histórias afro-brasileiras à luz da teoria literária. O texto analisa um excerto de contos escritos por Mãe Beata de Yemonjá com enfoque no papel da mulher na manutenção da tradição afro-brasileira. Do ponto de vista metodológico o estudo apresenta uma análise teórico-descritiva acerca da representação das vozes poéticas afrofemininas na cultura oral e popular contemporânea. O referencial bibliográfico acionado conta com teóricos da ordem de Gilberto Freyre (2003), Walter Benjamin (1994), Zilá Bernd (1987), Stuart Hall (2003), Eduardo de Asiss Duarte (2011) e outros pesquisadores do campo da literatura oral e de autoria feminina, da memória e identidade cultural. Entende-se a relevância da pesquisa no que tange à busca para compreender o papel da mulher na propagação de costumes e na manutenção da cultura afromatricial. O pressuposto inicial é de que as vozes afrofemininas presentes no arcabouço de histórias populares são de matriz afrocêntrica, especificamente da África iorubá, solo cultural e matrilinear da tradição oral que migrou para Brasil. Movidas pela diáspora negra, as mulheres africanas trouxeram consigo a força da voz e uma tradição representada pelo sagrado feminino. Diante disso, este artigo busca evidenciar na pessoa da contadora de histórias Mãe Beata de Yemonjá, o poder dessa ancestralidade afrofeminina, além de entender os arquétipos femininos que compõe a sua voz autoral.

 Palavras-chave: poética oral afro-brasileira; cultura matrilinear; ancestralidade

 



Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

  


CONFIRA O ÍNDICE DE CITAÇÕES AQUI


INDEXADORES:

 

ERIHPLUS

LATINDEX 

REDIB 

PERIÓDICOS DE MINAS 

HEIDI

ESJI

SUMARIOS.ORG

PERIÓDICOS CAPES

LIVRE

SHERPA ROMEO

DIADORIM

BIBLIOTEKSYSTEM UNIVERSITÄT HAMBURG

ICAP

 

BUSCADORES:

MIAR

ELEKTRONIK ZEITSCHRIFT

WORLDCAT

GOOGLE SCHOLAR